quinta-feira, 10 de março de 2016

Nunca julge uma dama pela aparência


Livro: Nunca julge uma dama pela aparência
Série Clube dos Canalhas #04
Autor(a): Sarah MacLean
Editora: Gutemberg
ISBN: 978-85-8235-355-4
Ano: 2016
Páginas: 320
Classificação: Romance


Sinopse:

Duncan West, assim como todos os homens, enxerga apenas o que quer…
Mas ele estava prestes a ver o que não queria.
Para a aristocracia, Lady Georgiana é a pobre irmã de um duque, rejeitada pela família após ter sido arruinada no pior tipo de escândalo possível: uma mulher que fez escolhas infelizes ao entregar-se de corpo e alma para um rapaz que todos desconhecem.
Mas a verdade é sempre muito mais chocante! Nos recônditos mais obscuros de Londres, Lady Georgiana é a mulher mais poderosa da Grã-Bretanha, a rainha do submundo londrino, e atende pelo nome de Chase, o lendário e temido fundador do cassino mais exclusivo da cidade, o Anjo Caído.

Circulando disfarçada pelos corredores de seu império, Chase sabe dos piores segredos dos figurões da sociedade e tem todos os poderosos na palma de sua mão, mas durante anos os seus próprios mistérios nunca foram descobertos… Até agora!
Brilhante, inteligente e bonito como o pecado, o jornalista Duncan West está intrigado com a linda mulher – que de alguma forma está ligada a um mundo de trevas e perdição. Ele sabe que Georgiana é muito mais do que parece e promete desvendar todos os seus segredos, expondo seu passado, ameaçando seu presente e arriscando tudo o que ela tem de mais precioso. Inclusive seu coração.



Minha opinião

Ora, mas que surpresa!!
Até então, eu não tinha imaginado de forma alguma que Chase era na verdade, uma mulher! Aí está uma trama bem escrita, por que, só passei a reparar nos detalhes, depois que vi a sinopse, mais um ponto a favor da autora, pois ela realmente soube colocar muito bem Chase em toda a série, de forma a não se reparar neste detalhe!

Ah, e por isto os "maridos" ficavam sempre tão brabos, quando as esposas recebiam os convites para 'o outro lado' d'O Anjo !!!

Lady Georgiana é fantástica, se desdobrando entre tantos personagens, mas para tudo há um limite, e ela está se aproximando do seu.

Sem contar que, agora que ela está voltando a frequentar a sociedade, ela tem alguns obstáculos a superar, e no meio disto tudo, ela consegue a inesperada ajuda de Duncan West.

Jornalista e dono de um passado muito bem guardado, sempre manteve uma relação de negócios muito bem sucedida com Chase, e agora, ele conhece Lady Georgiana, a qual foi maldosamente caricaturada em seu maior jornal de fofocas, e sente-se no dever de reparar o dano, já que isto ocasionou o retorno de Lady G de volta aos salões de baile, em busca de um marido, para amparar o futuro de sua filha.

Recheado de surpresas, e grandes descobertas, este livro fecha a série com chave de ouro, mas nos deixa com um gostinho de quero mais, pois, é muito divertido acompanhar como cada um dos sócios d"o Anjo se deu bem no amor, e sem deixar de lado a diversão e um tanto de aventura também. 

Não deixe de ler está série, ela é ótima!!

Boa leitura!!

quarta-feira, 9 de março de 2016

Anjos na escuridão


Livro: Anjos na escuridão
Autor(a): Lauren Kate
Editora: Leya
ISBN: 978-85-0103-451-9
Ano: 2014
Páginas: 98
Classificação: Ficção


Sinopse:

Anjos na Escuridão é uma coleção de momentos intensos do mundo perigosamente romântico da série Fallen, lançado nos EUA apenas em e-book. Uma festa que acaba terrivelmente errado, Ariane em uma febre de compras celestial, Daniel navegando pelas ruas de L.A. e outras aventuras formam este conjunto de contos inesquecíveis para qualquer fã de Lauren Kate.


Minha opinião

Este livro nem merece o tempo e dinheiro desperdiçados nele. Vale mais a pena baixar em e-book, para ler, e acrescentar pouca coisa mais à esta série que se arrasta de forma interminável.

Para os amantes da série, pode ler, por que você só vai ter mais alguns vislumbre, mas se você já está saturado, fuja do livro.

Boa leitura!!

terça-feira, 8 de março de 2016

Entre a ruína e a paixão


Livro: Entre a ruína e a paixão
Série Clube dos Canalhas #03
Autor(a): Sarah MacLean
Editora: Gutemberg
ISBN: 978-85-8235-342-4
Ano: 2016
Páginas: 304
Classificação: Romance


Sinopse:

Uma noiva desaparecida na véspera de seu casamento. Um poderoso duque acusado de assassinato. Uma noite que mudou duas vidas para sempre. Temple viu seu mundo desmoronar quando acordou completamente nu e desmemoriado em uma cama repleta de sangue. Destituído de seu título e acusado de assassinato, o jovem duque foi banido da sociedade. Doze anos depois, recuperado em sua fortuna e seu poder como um dos sócios do cassino mais famoso de Londres, sua redenção surge quando a única pessoa que poderia provar sua inocência ressurge do mundo dos mortos. Após doze anos desaparecida, Mara Lowe se vê obrigada a reaparecer quando seu irmão perde toda a fortuna da família nas mesas do cassino do homem cuja vida ela arruinou. Temple quer provar a todos que é inocente e, sobretudo, se vingar e destruir a vida daquela mulher, enquanto Mara precisa enfrentar o passado para recuperar seu dinheiro. Assim, os dois formam um acordo obsceno que os une em um jogo de poder e sedução. Mas ambos descobrem que a realidade esconde muito mais do que as aparências revelam e eles se veem em uma encruzilhada na qual precisam escolher entre lavar a honra do passado e garantir o futuro ou ceder ao desejo de se entregarem de vez à irresistível atração que sentem um pelo outro, mas que pode arruiná-los para sempre.


Minha opinião

Aqui, o tom já fica um pouco mais sério ... mas mais pelo comportamento dos protagonistas, por que aqui, temos uma acusação de assassinato pesando sobre Temple, que, mesmo tendo o título de Duque, não se usa dele para se isentar da culpa que o corrói.

Mas o que mais pesa para ele, é o fato de não lembrar-se de absolutamente nada da fatídica noite, e quando Mara reaparece em sua vida, tudo o que ele mais quer, é saber o que realmente aconteceu naquela noite, pois agora, ele sabe que não a matou, mas não tem absoluta certeza do que aconteceu entre eles também, o que mais para frente lhe causa dúvidas e mais motivos para odiar Mara.

Mara por outro lado também carrega o peso da culpa, e por diversos fatores, que acabam sendo contados no decorrer da narrativa, mas, o fator decisivo que a leva a reaparecer na sociedade, é o fato de precisar reaver seus findos, perdidos por seu inepto irmão, no cassino de Temple.

Ela em busca de sua fortuna, ele, de sua redenção, nos coloca em uma narrativa envolvente, carismática, romântica, e claro, quentíssima também.

Uma delícia acompanhar o desenrolar dos acontecimentos, e como Mara e Temple lidam com a imensa atração que os une e a culpa que os separa.

Impossível deixar de lado esta série ... não deixe de encantar com os canalhas sedutores e queridos que Sarah MacLean nos apresentou nesta série.

Boa leitura!!

segunda-feira, 7 de março de 2016

Uma chance para recomeçar



Livro: Uma chance para recomeçar
Série Friday Harbor # 01
Autor(a): Lisa Kleypas
Editora: Novo Conceito
ISBN: 978-85-8163-600-9
Ano: 2014
Páginas: 176
Classificação: Romance


Sinopse:

Victoria morreu em um trágico acidente, deixando sua filha Holly sob a responsabilidade do seu irmão, o solteiro convicto Mark. O tio Mark não se sentia muito preparado para cuidar da menina, mas assumiu o compromisso de devolver o sorriso aos seus lábios. No entanto, ele desconfia de que não esteja fazendo um bom trabalho, uma vez que Holly nunca mais falou desde que ficou órfã. Uma cartinha para o Papai Noel revela um desejo que pode ser a chave da felicidade de Holly: ela só quer ter uma mãe.

Maggie perdeu o marido em uma batalha contra o câncer e não quer jamais - passar por tudo isso de novo. Por isso, ela fechou seu coração e prometeu a si mesma dedicar-se somente a sua nova loja de brinquedos em Friday Harbor, que permite às crianças viajar um pouco nas asas da imaginação. A amizade entre Maggie e Holly (que até passou a acreditar em fadas!) ao mesmo tempo comove e preocupa o tio Mark. Ele tem certeza de que a nova amiga fará bem a sua sobrinha, mas precisa decidir se a deixará entrar em sua própria vida...
Nós também torcemos, do fundo do coração, para que Holly tenha uma linda noite de Natal.



Minha opinião

Que delícia de livro!!
Claro que já começamos lendo ele e abrindo as torneiras, por conta da tristeza logo de cara, quando começa contando a tragédia da curta vida de Holly.

Seu tio Mark é pego desprevenido no papel de seu tutor, mas não dá para negar que ele se esforça bastante, para que a pequena Holly se sinta bem vinda e se adapte a sua nova vida.

Por outro lado, Maggie tem o dom de compreender Holly, e aos pouco, consegue quebrar a frágil casca que a menina criou, e com isto, ajuda tanto a menina quanto seu tio.

Nessa dinâmica toda vamos conhecendo a comunidade, e também o outro tio de Holly, que por sua vez, também tem uma vida para colocar nos eixos, mas ainda assim, se esforça para se fazer presente na vida da sobrinha.

A narrativa é leve e fluída, e, como exemplo dos outros livros desta autora, fácil de ler e gostar.
Indico para aquela pausa entre leituras mais pesadas, pois em uma sentada, o livro vai!

Boa leitura!

domingo, 6 de março de 2016

Eu me chamo Antônio



Livro: Eu me chamo Antônio
Autor(a): Pedro Gabriel
Editora: Intrínseca
ISBN: 978-85-8057-435-7
Ano: 2013
Páginas: 192
Classificação: Literatura brasileira, Poemas, Poesias


Sinopse:

Antônio é o personagem de um romance que está sendo escrito e vivido. Frequentador assíduo de bares, ele despeja comentários sobre a vida — suas alegrias e tristezas — em desenhos e frases escritas em guardanapos, com grandes doses de irreverência e pitadas de poesia. Antônio é perito nas artes do amor, está sempre atento aos detalhes dos encontros e desencontros do coração. Quando está apaixonado, se sente nas nuvens e nada parece ter maior importância, e, quando as coisas não saem como esperado, é capaz de enxergar nas decepções um aprendizado para seguir adiante. Do balcão do bar, onde Antônio se apoia para escrever e desenhar, ele vê tudo acontecer, observa os passantes, aceita conversas despretensiosas por aí e atrai olhares de curiosos. Caso falte alguém especial a seu lado (situação bastante comum), Antônio sempre se acomoda na companhia dos muitos chopes pela madrugada.

A mente por trás de Antônio é Pedro Gabriel. Em outubro de 2012, ele inaugurou a página Eu me chamo Antônio no Facebook para compartilhar o que rabiscava com caneta hidrográfica em guardanapos nas noites em que batia ponto no Café Lamas, um dos mais tradicionais bares do Rio de Janeiro. Em seu primeiro livro, Pedro apresenta histórias vividas por seu alter ego, desde a cuidadosa aproximação da pessoa desejada, o encantamento e a paixão, até o sofrimento provocado pela ausência e a dor da perda. Os guardanapos que inspiram milhares de pessoas na internet agora estão reunidos numa caprichada edição, novo lançamento da Intrínseca.



Minha opinião

O livro é uma graça, fácil de acompanhar, e, em uma sentada, puf! o livro passou.
É como se você se sentar em uma mesa de boteco, para bater papo com um amigo, com uma boa cerveja gelada, petiscos e papo gostoso, pra fechar aquela semana louca de trabalho.

Ilustrado, com frases de efeito, e reflexões bacanas, algumas valem até ser colocadas em destaque para nos fazer parar e refletir o que realmente vale a pena para levar a vida de boa e bem.

Quer uma pausa naquela loucura do dia-a-dia? Pega esse livro, faz uma pausa e dá uma folhada nele ... você certamente vai se sentir mais leve depois de algumas páginas!!

Boa leitura!!

sábado, 5 de março de 2016

Cinzas da meia-noite


Livro: Cinzas da meia-noite
Série Midnight Breed # 6
Autor(a): Lara Adrian
Editora: Universo dos livros
ISBN: 978-85-7930-479-8
Ano: 2013
Páginas: 336
Classificação: Literatura estrangeira, Ficção


Sinopse:

Um sentimento arrebatador o queima por dentro. Resta saber se o amor poderá salvá-lo, ou se ele deixará a sede de vingança destruí-lo...

A noite cai e Claire Roth tem de fugir, expulsa de casa por uma ameaça ardente que parece vir do próprio inferno.
A partir das chamas e cinzas, emerge um guerreiro vampiro. Ele é Andreas Reichen, seu amante do passado.
Apanhados no fogo cruzado, Claire não poderá escapar de sua fúria selvagem – ou da enorme atração que ele exerce sobre ela, e que a faz mergulhar em um mundo de eterna escuridão e prazer sem fim.

Nada vai impedir Andreas de destruir o vampiro responsável pelo cruel assassinato de seus irmãos da Raça... E Claire é a única que poderia conduzi-lo a seu traiçoeiro inimigo. Mas seria ele capaz de usá-la como isca para encontrar seu adversário? Claire é a única mulher que Andreas não deve desejar, e também é a única que ele já amou. Andreas não conseguirá resistir a ela, e a chama dessa paixão incandescente consumirá tudo em seu caminho.



Minha opinião

Voltei para os vampiros !!! Wohooo!!

Neste volume, acompanhamos a estória de Andreas Reichen, um vampiro alemão, que tem o seu refúgio atacado, e todos os seus familiares assassinados.
Em fúria, ele, além de precisar lidar com o seu dom, que está o consumindo, seu amor do passado retorna para assombrar sua vida novamente.

A narrativa é quente, com o perdão do trocadilho, e claro, a exemplo dos volumes anteriores, recheado de ação, caçadas e boas brigas !!

O que mais gosto da série, é que a cada novo personagem, a autora sempre atualiza também como vai indo a vida de todos integrantes da ordem, e o quanto todos os guerreiros estão mudados, por, cada um a seu modo, ter achado sua companheira de Raça.

Vale lembrar que esta série, para ser compreendida em sua totalidade, precisa ser lida na ordem de publicação.

Fica a dica para quem é fá de leitura sobrenatural!!

Boa leitura!

sexta-feira, 4 de março de 2016

O morro dos ventos uivantes



Livro: O morro dos ventos uivantes
Autor(a): Emily Brontë
Editora: Lua de papel
ISBN: 978-85-6306-602-2
Ano: 2009
Páginas: 292
Classificação: Clássicos


Sinopse:

Na fazenda chamada Morro dos Ventos Uivantes nasce uma paixão devastadora entre Heathcliff e Catherine, amigos de infância e cruelmente separados pelo destino. Mas a união do casal é mais forte do que qualquer tormenta: um amor proibido que deixará rastros de ira e vingança. "Meu amor por Heathcliff é como uma rocha eterna. Eu sou Heathcliff", diz a apaixonada Cathy.

O único romance escrito por Emily Brontë e uma das histórias de amor mais surpreendentes de todos os tempos, O Morro dos Ventos Uivantes é um clássico da literatura inglesa e tornou-se o livro favorito de milhares de pessoas.



Minha opinião

Aos amantes da literatura clássica, me desculpem ... mas que livro chato!
E a Bella Swan/Cullen, fala sério, você nasceu mesmo na época errada!

Juro que tentei, com todas as minhas forças, captar o que de romântico, ou o que quer que todo mundo encontre neste 'mágico' livro ... mas ainda estou à procura ...

A narrativa toda é uma loucura, de atitudes estranhas e sem nexo! Os únicos personagens possíveis de compreender bem são, o Sr. Lockwood, e a governanta Nelly, ela narrando toda a estória do Morro dos Ventos Uivantes, para que o Sr. Lockwood compreenda o que se passou e passa por lá (diga-se passagem, nós leitores também ...).

Heatcliff é um doido de pedra, desde cedo, então, não é de se admirar que pire no final. Hindley só bebe, muito me admira que dure tanto, Catherine é a típica dondoca mimada, que acha que o mundo gira ao seu redor, os Linton's entram de gaiatos e acabam pagando o pato. Sem contar o maluco do Joseph que não ajuda em nada só querendo doutrinar todos eles ...

O que permeia todo liro é a obsessão de cada um dos personagens, cada um com um objetivo diferente, e só pensando em si mesmos, não no que as atitudes deles causavam ao conjunto todo. Meu ponto de vista, que fique claro.

Creio que posso dizer que a maioria dos clássicos definidamente não fazem o meu estilo. Mas ao menos, estou me esforçando para conhecer a literatura clássica ... mas vou lê-los em intervalos bem grandes!  E para quem gosta ...

Boa Leitura!!

quinta-feira, 3 de março de 2016

Exposta


Livro: Exposta
Trilogia Apenas uma noite #2
Autor(a): Kyra Davis
Editora: Suma de Letras
ISBN: 978-85-8105-254-0
Ano: 2014
Páginas: 168
Classificação: Romance


Sinopse:


“Você quer saber meu nome? Meu nome inteiro?”

Perguntou o homem misterioso que Kasie conheceu em uma mesa de cartas.

Em O estranho, primeira parte da série best-seller internacional Apenas uma noite, o mundo de Kasie vira de cabeça para baixo quando o estranho com quem passou a noite mais prazerosa de sua vida, em um hotel de Las Vegas, se revela o maior cliente da empresa em que trabalha. 

A proximidade de Robert Dade faz Kasie questionar a imagem controlada e modesta que construiu de si mesma, na tentativa de agradar a família e os colegas de trabalho. E o poder de atração de Robert, tanto no escritório quanto no quarto, não permite que Kasie lhe negue nada.

Mas então seu noivo, Dave, descobre a traição. E agora é impossível prever até onde ele irá para não perdê-la e o que Robert será capaz de fazer para roubá-la de vez para si. Em Exposta, a segunda parte da série Apenas uma noite, Kasie enfrentará um jogo de dinheiro, poder e vingança, inimigos perigosos e aliados inesperados. E ela terá que deixar as incertezas de lado para retomar o controle da própria vida


Minha opinião

Não posso dizer que estou gostando desta série ... a protagonista chega a ser irritante de tão burra em algumas situações. Ela não se decide com quem quer ficar, e fica sempre remoendo dilemas do que todo mundo vai pensar sobre uma atitude assim, ou assado.

Páginas demais desperdiçadas para explicar uma relação horrível com o noivo, e outra não muito melhor com o recém descoberto "estranho".

Ao menos no final ela já se mostra com um pouco mais de atitude ... mas me preocupa a continuação no próximo livro, se vai ter de novo toda a lenga lenga para justificar uma atitude ou outra de Kasie. 

Mistura os estilos das séries 50 tons e Peça-me, então, para quem gosta do gênero, se aventure!

Boa leitura!

quarta-feira, 2 de março de 2016

O senhor da chuva



Livro: O senhor da chuva
Autor(a): André Vianco
Editora: Novo Século
ISBN: 978-85-8779-110-8
Ano: 2001
Páginas: 268
Classificação: Ficção


Sinopse:


Um anjo perseguido, para não ser destruído, possui o corpo de um ser humano agonizante. Assim, o anjo quebra uma regra sagrada que dá direito aos demônios de evocarem uma guerra desigual que poderá desencadear a destruição de todos os anjos de luz da terra.

Agora, os dois exercitos estão furiosos, transformando as tranquilas pastagens de belo verde num funesto campo de batalhas onde espadas que parecem chamas, e olhos que parecem brasas, darão o tom nesta misteriosa aventura sobrenatural, repleta de batalhas, mergulhadas no mundo dos anjos, dos vampiros e dos demônios.




Minha opinião

Uia! Outro livro de assustar de André Vianco!

Mas ó, tem horas que ele viaja na maionese ... principalmente na batalha final ... acho que ali ele quis reunir toda a galera assustadora dele, pra matar de medo pra valer!

Enfim, o livro narra a trajetória de vida de Gregório, um trambiqueiro querendo entrar no submundo do tráfico, e que, por uma desventura, acaba ganhando de brinde a proteção do anjo da guarda de sua vizinha, uma senhorinha querida e prestativa, que nunca percebeu a real personalidade de seu vizinho.

Resumindo, a loucura das atitudes de Gregório, o condenam, mas, em uma tentativa de ajudá-lo, o anjo Thal acaba em uma batalha com o demônio Khell, e que não acaba bem para nenhum dos dois. Thal possui o corpo de Gregório para se proteger e buscar uma forma de se fortalecer, o que quebra uma regra antiga e que tem como consequência uma grande batalha entre o bem e o mal.

A narrativa é um tanto confusa e com algumas coisas totalmente fora de proporção, mas como tudo é tão fantasioso, chega um ponto em que você só quer saber quem vai enfim ganhar a batalha.

Para quem é fã do universo sobrenatural de André Vianco, é bacana, pois ele menciona alguns personagens de outras séries. E para quem gosta de leitura sobrenatural, vale pela loucura da batalha!

Boa leitura !!

terça-feira, 1 de março de 2016

De repente, o desejo



Livro: De repente, o desejo
Autor(a): Susan Fox
Editora: Única
ISBN: 978-85-6702-804-0
Ano: 2013
Páginas: 384 
Classificação: Romance / Ficção erótica


Sinopse:

Merilee Fallon está para se casar quando começa a se sentir incomodada com a situação. Apaixonada desde os sete anos por Matt, ela sempre sentiu que ele era sua alma-gêmea até que ela vê suas irmãs chegando para o casamento. Todas apaixonadas, vivendo fortes emoções. Ela também queria aquilo, viver uma paixão louca, encontrar um cara que lutasse por ela. Esse casamento pode estar com as horas contadas! 

Matt sempre planejou a vida ao lado de Merilee, e a chegada do casamento só reforça seu amor por ela. Mas quando Merilee entra em crise pré-casamento e decide adiar tudo, ele fica sem chão. Qual seria a maneira de tentar reconquistar o amor de sua vida? 

No último volume da saga das Fallon, acompanhe o fechamento dessa incrível história, na qual o amor, o cara ideal, o destino e o desejo acertaram em cheio o coração dessas lindas irmãs!


Minha opinião:

Terminando a série, enfim !!
Levei algum tempo para engrenar a leitura do último livro da série das irmãs Fallon, até por que, enjoei um pouco da série ... foi uma overdose das irmãs, que preferi respirar um pouco, para não desmerecer o encerramento da série.

Neste, podemos acompanhar enfim Merilee e Matt, o casal M&M, às vésperas de seu corrido casamento.

Depois de ter cada uma de suas irmãs mais velhas chegando para o seu casamento, e cada uma chegando, devidamente acompanhada, de namorado e uma estória incrível de como tudo aconteceu, Merilee se sente balançada, e cada vez mais em dúvida em relação ao seu próprio casamento. 

Seu erro, é querer comparar o seu relacionamento de anos, com o que acabou acontecendo com cada uma de suas irmãs, e aí, ela acaba pirando, claro! E com isso magoa seu noivo, que por seu lado, também tem um passado não muito fácil, e que sai magoado nisso tudo.

Mas, apesar da confusão, achei a narrativa deste muito mais bacana, por que explica e fecha vários ciclos, costurando bem toda a história familiar das irmãs, inclusive colocando agora a caçula em foco, e explicando por que ela sempre se sentiu excluída, e acertou isto entre elas também.

Bacana e divertida a narrativa, e a forma como M&M encontraram de, mesmo enquanto curtiam a "solteirice", aproveitar para explorar um lado desconhecido de cada um deles, aparar algumas arestas e colocar seu relacionamento de volta nos trilhos, rumo ao final feliz.

Enfim,por mais que tenha me aborrecido ao logo de alguns trechos de toda a série, ela fechou de forma bacana e com todas as irmãs enfim, felizes e satisfeitas com seus futuros. Mas vale dizer que é mais legal dar um intervalo entre cada um dos livros, para não pirar junto com a irmandade!!

Boa leitura!!